DEC.LEI Nº344/97

TODOS OS TEXTOS SÃO DA PROPRIEDADE DO AUTOR E ESTÃO REGISTADOS AO ABRIGO DA LEI DA PROTECÇÃO DOS DIREITOS AUTORAIS E PROPRIEDADE INTELECTUAL. INCORRE NO CRIME DE CONTRAFACÇÃO QUEM SE APROPRIAR, COPIAR, PLAGIAR E MENCIONAR NO TODO OU/E EM PARTE OS TRABALHOS AQUI PUBLICADOS, EM CONFORMIDADE COM O CÓDIGO DE DIREITOS DE AUTOR E DOS DIREITOS CONEXOS.
.
.
.
Escrever é poder amar-te



sexta-feira, 14 de março de 2008

CANTATA

Gosto de te seduzir na moleza do caminhar trepado dedo a dedo até atingir no mento o rasgo de polpa doce e húmida que apanho como se fosse minha e de manjar tomar tudo na gula nunca satisfeita de quem quer tudo, sempre tudo e mais e melhor, mais apurada esta pimenta que te salpico no meu olhar, desejo do fogo da ardência, do radioso de te saber domado quando pensas que me domaste.

1 comentário:

Nocturno disse...

Aos teus pés suplico-te doce amada estou submisso aos desejos mais secretos.

Beijo