DEC.LEI Nº344/97

TODOS OS TEXTOS SÃO DA PROPRIEDADE DO AUTOR E ESTÃO REGISTADOS AO ABRIGO DA LEI DA PROTECÇÃO DOS DIREITOS AUTORAIS E PROPRIEDADE INTELECTUAL. INCORRE NO CRIME DE CONTRAFACÇÃO QUEM SE APROPRIAR, COPIAR, PLAGIAR E MENCIONAR NO TODO OU/E EM PARTE OS TRABALHOS AQUI PUBLICADOS, EM CONFORMIDADE COM O CÓDIGO DE DIREITOS DE AUTOR E DOS DIREITOS CONEXOS.
.
.
.
Escrever é poder amar-te



sexta-feira, 4 de janeiro de 2008

DE CETIM

Se eu me levantar durante a noite, não estranhes. Vou apenas espreitar o negrume do céu, tentar descobrir-lhe uma ou outra estrela acesa que faça brilhar este cetim de azul tão profundo que magoa os olhos. Não troco o calor da tua respiração pelo arrepio do silêncio que envolve este lado do mundo. Apenas quero sentir que me chamas, que me precisas na entrega ciumenta de quem teme pelo fascinio do escuro mágico aqui e ali pontilhado por faróis que me encaminham o suspiro, vê-los traçar uma estrada de pedidos à próxima cadente suicida que não receba o seu amante. Mal sinta este xaile fino a escorregar-me a pele voltarei para ti, cheia duma saudade que nunca tive pois tu és o meu melhor abafo.