DEC.LEI Nº344/97

TODOS OS TEXTOS SÃO DA PROPRIEDADE DO AUTOR E ESTÃO REGISTADOS AO ABRIGO DA LEI DA PROTECÇÃO DOS DIREITOS AUTORAIS E PROPRIEDADE INTELECTUAL. INCORRE NO CRIME DE CONTRAFACÇÃO QUEM SE APROPRIAR, COPIAR, PLAGIAR E MENCIONAR NO TODO OU/E EM PARTE OS TRABALHOS AQUI PUBLICADOS, EM CONFORMIDADE COM O CÓDIGO DE DIREITOS DE AUTOR E DOS DIREITOS CONEXOS.
.
.
.
Escrever é poder amar-te



quarta-feira, 6 de fevereiro de 2008

FECHADURAS

Não sei como o soubeste mas descobriste a combinação para o meu cofre. Devagarinho foste chegando perto, perto, olhaste, sorriste e como um mágico alcançaste o segredo. Não usaste ferramentas nem explosivos, tocaste ao de leve, a ponta dos dedos numa caricia de peso pluma, um roçagar macio que me desarmou as defesas, talvez te tenha facilitado o trabalho, talvez tivesse esperado que alguém aparecesse e me descobrisse cansada de manter este cofre impenetrável. Ou talvez seja tudo mérito teu e na tua arte de achar a chave certa, sem forçar, sem esbeiçar os bordos, uma entrada limpa, um rodar perfeito e o meu coração passou a ser teu.

2 comentários:

Papoila disse...

Há sempre alguém que descobre essa combinação... por vezes deixamos anotada à vista da pessoa errada.

Beijinhos
BF

Whispers in night disse...

Ola linda!
Entrou sem forcar....Nao usando chave, usando o encanto do outro coracao....o importante e que quando sair, nao o vaia fazer como ladrao:)
beijokas mil
Rachel